O diretor de futebol do Vasco da Gama, Alexandre Pássaro, admitiu nesta quarta-feira a saída de Martín Benítez para o São Paulo. O argentino possui contrato por empréstimo com o Cruzmaltino até junho deste ano, mas as partes costuram um acordo para que haja a liberação, uma vez que o clube carioca tem compromissos em aberto com o atleta.

O São Paulo já se acertou com o Independiente, clube dono da maior parte dos direitos econômicos de Martín Benítez. O Vasco deverá manter uma porcentagem do meia por ter pago ao clube argentino R$ 1,3 milhão para que ele permanecesse em São Januário até junho de 2021.

“A situação do Benítez vem se desenrolando desde a semana passada. O Carlos Belmonte, diretor do São Paulo, falou na imprensa sobre a negociação, o Muricy também. O Benítez manifestou o desejo de sair, de ir para o São Paulo. Nenhum jogador ficará no Vasco a contragosto, desde que as condições de saída sejam feitas a gosto do Vasco”, afirmou Alexandre Pássaro em entrevista coletiva.

O meia Martin Benítez, que vem atuando por empréstimo pelo Vasco, está muito próximo de ser mais um reforço para Hernán Crespo no São Paulo. O meia pertence ao Independiente, da Argentina. (Foto: Divulgação/Vasco)

Nas últimas horas surgiu a possibilidade de o São Paulo ceder alguns atletas menos renomados ao Vasco em troca da liberação de Martín Benítez, mas, aparentemente, Alexandre Pássaro, que até poucos meses era gerente de futebol do Tricolor, não se interessou por um dos nomes em pauta.

“Ainda estamos tratando, mas deve ser definido entre hoje e amanhã. Posso garantir que não envolve o Shaylon. Gosto muito do Benítez, não é uma queda de braço. As coisas estão se encaminhando para definir entre hoje e amanhã. Ainda ficaremos com algum percentual. Nós temos que atender a vontade do jogador, mas primeiro a do Vasco da Gama”, concluiu.

O post Pássaro admite saída de Benítez para o São Paulo: “Manifestou desejo” apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Recommended Posts