Dona de um charme colonial e acumulando muitos, muitos atrativos naturais, a cidade de Pirenópolis, em Goiás, é o nosso próximo destino. Localizada a apenas 150 km de Brasília, essa goiana é a mistura ideal de cultura e ecoturismo, o que faz dela um sinônimo de viagem completa.

Ecoturismo no Brasil: confira lista com 10 destinos
O que fazer em Bonito, destino de ecoturismo do Mato Grosso do Sul

Perfeita para todos os viajantes, mas principalmente para quem está a fim de ter um contato próximo com a natureza, ideias de o que fazer em Pirenópolis não faltam. Muito pelo contrário: difícil mesmo é decidir por onde começar. Só que você não precisa encanar com isso, porque nós elencamos aqui alguns points que não podem ficar de fora da sua visita. Vem com a gente!

8 PONTOS TURÍSTICOS E DICAS DE O QUE FAZER EM PIRENÓPOLIS (GO)

1. Caminhe pelo Centro Histórico de Pirenópolis

Igreja Matriz Nossa Senhora do Rosario Pirenopolis Goias Credito editorial Box Lab shutterstock 1526583734

A vibe tranquila de Pirenópolis e a vista para a Igreja Matriz de Nossa Senhora do Rosário, em Goiás | Crédito editorial: Box Lab/Shutterstock.comSempre imperdível e uma dica sob medida para conhecer melhor a história e a cultura locais, caminhar pelo Centro Histórico da cidade é é um ótimo jeito de começar a explorar a região. Ali, além dos casarios coloniais, o destaque vai para a Igreja Matriz de Nossa Senhora do Rosário, que começou a ser construída em 1728. Hoje, ela representa o maior e o mais antigo monumento histórico de Goiás.

2. Fotografe a Ponte Pênsil Dona Benta

Por falar em Centro Histórico, aqui vai mais uma dica de o que visitar na região: a Ponte Pênsil Dona Benta, que é sustentada por cabos de aço e fica sobre o Rio das Almas. Como ela só pode ser atravessada por pedestres, é excelente para passeios tranquilos e também para fotos, já que tem bastante verde à sua volta. Portanto, já sabe: câmera em mãos.

12 cartões-postais mais famosos do Brasil: quantos você conhece?

3. Ainda sobre história: visite os museus locais

Levanta a mão quem ama um museu! Pois Pirenópolis tem alguns que merecem uma visita. O Museu Rodas do Tempo, por exemplo, apresenta toda a trajetória dos veículos de duas rodas. Inclusive, tem uma exposição permanente de motos, scooters e bikes antigas. Já o Museu do Divino, que funciona na antiga Casa de Câmara e Cadeia, conta por meio de maquetes e objetos a história por trás da principal festa da cidade: a Festa do Divino. Por fim, caso você curta arte sacra, a Igreja Nossa Senhora do Carmo tem um museu especializado no assunto.

4. Assista ao pôr do sol no Pico dos Pirineus

Pico dos Pirineus Pirenopolis Goias shutterstock 1486799051

A vista impressiona do topo do Pico dos Pirineus, em Pirenópolis, Goiás | Crédito: Shutterstock

Apesar de estar a 20 km da cidade, o Parque Estadual dos Pirineus é parada obrigatória para quem está decidindo o que fazer em Pirenópolis. Isso porque o local divide as duas principais bacias hidrográficas do continente: a Platina e a Tocantinense.

Alguns dos points imperdíveis do parque são o Morro Cabeludo – gigante de mais 1,3 mil metros de altura e cuja formação rochosa remonta há mais de 1 bilhão de anos – e a Sonrisal, que concentra poços cristalinos e piscinas naturais. Ao mesmo tempo, é ali onde fica o Pico dos Pirineus, o ponto mais alto da região. Devido ao seu tamanho privilegiado, descortina uma vista 360° arrebatadora. Para coroar, no topo do pico fica uma charmosa capela. Já deu pra perceber que o forte de Piri (apelido para os íntimos) é a natureza, né?

Natureza e ar livre: conheça os principais parques nacionais

5. Conheça a Cachoeira do Abade

shutterstock 1658236438

Tá procurando o que fazer em Pirenópolis? Então conheça a Cachoeira do Abade | Crédito: Shutterstock

Patrimônio Natural, a Cachoeira do Abade é famosa não só por sua beleza, mas também pela sua história. Antiga lavra de ouro do século 18, o local é um dos melhores atrativos turísticos da cidade e atrai visitantes de todos os lugares do Brasil e do mundo. Cenário de novelas globais e também parte da rota da Tocha Olímpica de 2016, nela é possível percorrer a Trilha do Abade e a Trilha do Vale, passando por mirantes, pontes suspensas e cachoeiras refrescantes. Além disso, o local conta com um delicioso restaurante.

6. Próxima parada: Cachoeira do Rosário

Credito editorial Wagner Santos de Almeida shutterstock 1684044160

Quem estiver a fim de curtir muita natureza deve conhecer a Cachoeira do Rosário, em Pirenópolis, Goiás | Crédito editorial: Wagner Santos de Almeida/Shutterstock.com

Uma das mais altas da cidade, a Cachoeira do Rosário é um oásis de águas cristalinas, mesmo durante o período chuvoso. Rodeada pela presença da fauna e flora regionais, durante este passeio os turistas podem desfrutar de piscinas naturais, visitar grutas que ficam atrás da queda d’água de 42 metros de altura e, claro, banhar-se em suas águas frescas. Acessada por meio de uma trilha com pedras rústicas e que passa pelo cerrado, mata de galeria, rios e nascentes, durante o percurso os visitantes ainda têm a chance de conhecer a Cachoeira Encantada e uma bica d’água.

7. Um pouco mais de ecoturismo: Refúgio Avalon

Quer mais uma dica de o que fazer em Pirenopólis? Pois então anote aí: às margens do Rio das Almas, o Refúgio Avalon é um dos principais atrativos de ecoturismo da cidade. O que dá pra fazer por ali? Bom, trilhas ecológicas, cachoeiras, jardim sensorial com mais de 100 plantas medicinais, redário, banho de argila e oficinas de artesanato são apenas alguns exemplos. Enfim, vale a pena visitar e conferir tudo isso de pertinho!

8. Por fim: curta a noite na Rua do Lazer

Pirenopolis Goias shutterstock 671968423

A arquitetura é um dos pontos fortes de Pirenópolis, Goiás | Crédito editorial: rodrigobark/Shutterstock.com

Diversos bares e restaurantes são encontrados no centrinho da cidade, sobretudo na Rua do Lazer e em seus arredores. Para quem não dispensa umas comprinhas, a região conta com diversos comércios e vende objetos artesanais e de prata, por exemplo. Isso sem contar a arquitetura colonial, que é encantadora e adiciona um charme extra ao passeio pela região.

Para viajar pelo Brasil: veja alguns dos destinos mais bonitos do país
5 destinos mais sustentáveis do Brasil

E você, o que achou das nossas dicas de o que fazer em Pirenópolis? Já teve a chance de conhecer essa cidade movida pelo ecoturismo? Então deixe um comentário, já que assim você acaba tirando as dúvidas de outras pessoas! E aqui vai uma última dica: se a ideia é viajar no futuro, consulte sempre um agente de viagens, uma vez que essa é a melhor solução para garantir uma trip de boas do começo ao fim!

Fonte segueviagem.com.br

Recommended Posts