Antes de qualquer coisa, saiba que este destino é o paraíso para aqueles que amam viagens no tempo. Localizada no estado de Minas Gerais, a cidade é famosa por suas igrejas, museus, ruazinhas antigas e por sair muito bem em praticamente todas as fotos. Dona de uma culinária de dar água na boca e de um dom natural para receber os viajantes, difícil mesmo é saber por onde começar o tour. Então bora conferir o que fazer em Ouro Preto?

Pontos turísticos de Minas Gerais em 6 destinos imperdíveis

Ah, mas, antes de começarmos, aqui vai uma dica que pode ser bem útil: se você estiver planejando visitar Ouro Preto em breve, não deixe de checar como está o funcionamento das atrações, OK? Isso porque a pandemia pode ter afetado algumas coisas. Para ter certeza de que você vai conseguir fazer tudo o que pretende, consulte um agente de viagens. Dessa forma você evita um monte de perrengues e garante um passeio bem tranquilo 😉

1. Museu do Aleijadinho

O primeiro item da lista de o que fazer em Ouro Preto não poderia ser outro: uma homenagem a um importante artista brasileiro que nasceu na cidade. Com o intuito de reunir peças de arte sacra, o Museu do Aleijadinho foi construído em 1968 pelo pároco Francisco Barroso Filho. Atualmente, são cerca de 250 obras espalhadas pela Sala da Sacristia, pela Sala da Cripta e pela Igreja São Francisco de Assis. Vale a pena conhecer e se deslumbrar com a maestria de um dos principais escultores e arquitetos do país.

2. Igreja São Francisco de Assis

Igreja Sao Francisco de Assis Ouro Preto Minas Gerais Credito editorial GWT shutterstock 1718666545

Igreja São Francisco de Assis – Ouro Preto – Minas Gerais | Crédito editorial: GWT/Shutterstock.com

Projetada por Aleijadinho e trazendo um estilo barroco com decorativos rococó, a igreja começou a ser construída em 1766 e foi concluída em 1812. É considerada uma das sete maravilhas de origem portuguesa pelo mundo e em seu interior estão diversos objetos históricos. Curiosidade: o forro da igreja foi pintado por Mestre Ataíde, pintor brasileiro originário de Mariana (MG), e levou mais de 10 anos para ficar pronto. Não à toa, ele é o ponto alto de toda a obra, chamando a atenção de todo mundo que entra ali.

Quem quiser pode contratar um guia e entender toda a história que existe por detrás das obras de arte. Ou seja: já ficou claro que a Igreja São Francisco de Assis precisa estar na sua listinha de o que fazer em Ouro Preto, né?

3. Praça Tiradentes

Parte da vista da Praca Tiradentes Ouro Preto Minas Gerais Credito editorial Luis War shutterstock 1730606407

Parte da vista da Praça Tiradentes – Ouro Preto – Minas Gerais | Crédito editorial: Luis War/Shutterstock.com

Conhecida inicialmente como Morro de Santa Quitéria e, em seguida, durante quase todo o século 19, como Praça da Independência, ela recebeu o nome de Joaquim José da Silva Xavier, o Tiradentes, em 1984. Isso se deu após a construção de um monumento em homenagem a ele, o mártir da Inconfidência Mineira. O local é o ponto central e também cartão-postal da cidade. Justamente por isso, aproveite para tirar muitas fotos, OK?

4. Museu da Inconfidência

Fachada do Museu da Inconfidencia Ouro Preto Minas Gerais Credito editorial Luis War shutterstock 1733129942

Fachada do Museu da Inconfidência – Ouro Preto – Minas Gerais | Crédito editorial: Luis War/Shutterstock.com

Por falar em Praça Tiradentes, é justamente ali onde fica o Museu da Inconfidência, mais um point imperdível para o caso de você estar decidindo o que fazer em Ouro Preto. Criado em 1938, reúne obras de Ataíde e Aleijadinho, por exemplo. Além de estar instalado na antiga Cadeia de Vila Rica, um dos prédios mais importantes do país, conta a história da origem do estado e da Inconfidência Mineira, promovendo um verdadeiro mergulho na história do Brasil.

Bem completo, sua arquitetura reflete a forte influência barroca, o que torna o museu atrativo já do lado de fora. Abriga livros, manuscritos antigos e mobiliário, tudo isso com explicativos bem detalhados. Portanto, reserve um tempinho para explorá-lo com calma, OK?

5. Rua Direita

Também conhecida como Rua Conde Bobadela, é a rua mais movimentada de Ouro Preto. Ao mesmo tempo, é o endereço certo para quem quer comprar artesanato local e voltar com as malas cheias de lembrancinhas. Tá a fim de descansar das compras? Joia, porque outro dos seus pontos fortes é ser repleta de restaurantes. Afinal, nada melhor do que recarregar as energias com a incomparável gastronomia mineira, certo?

6. Teatro e Museu Casa da Ópera

Teatro e Museu Casa da Opera Ouro Preto Minas Gerais Credito editorial Luis War shutterstock 1732039513

Teatro e Museu Casa da Ópera – Ouro Preto – Minas Gerais | Crédito editorial: Luis War/Shutterstock.com

Com uma fachada simples, mas um interior rico em cultura e beleza, esse é o teatro mais antigo ainda em atividade da América Latina. Embora remonte ao ano de 1770, se mantém muito bem preservado. Ainda hoje o espaço é palco para a realização de diversos eventos e, de quebra, permite visitas guiadas. O valor do ingresso é bem acessível (R$ 4).

7. Feirinha de Pedra Sabão

Em frente à Igreja São Francisco de Assis, a feirinha conta com aproximadamente 50 barraquinhas que são excelentes para comprar presentes e recordações da cidade. O que dá para encontrar por ali? Colares, brincos, pulseiras, anéis, camisetas, bonés, pedras preciosas, peças decorativas e muito mais. Ou seja, divirta-se, porque é hora das compras!

8. Basílica Matriz de Nossa Senhora do Pilar

Basilica Nossa Senhora do Pilar Ouro Preto Minas Gerais Credito editorial Luis War shutterstock 1722293605

Basílica Matriz de Nossa Senhora do Pilar – Ouro Preto – Minas Gerais | Crédito editorial: Luis War/Shutterstock.com

Considerada a igreja mais rica de Minas Gerais, a Basílica Matriz de Nossa Senhora do Pilar é um monumento tombado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan). Assim como muitos edifícios da região, traz o estilo barroco. Estima-se que sua decoração conte com cerca de 400 kg de ouro e prata em pó. Para coroar, o local guarda o Museu de Arte Sacra, que exibe obras religiosas do século 18.

9. Casa dos Contos

Casa dos Contos Ouro Preto Minas Gerais Credito editorial Vanessa Volk shutterstock 1560051155

Casa dos Contos – Ouro Preto – Minas Gerais | Crédito editorial: Vanessa Volk/Shutterstock.com

Fixada em um casarão na Rua São José, a Casa dos Contos é um museu gratuito que permite que os seus visitantes conheçam a fundo a história do Ministério da Fazenda do Brasil. Uma vez por lá, todos podem assistir a um filme institucional, admirar a arquitetura e decoração da época, conferir uma maquete detalhada da casa, ver documentos originais do Ciclo do Ouro, entender a história da moeda brasileira e até visitar a área da senzala.  Em outras palavras, é um ponto turístico bem importante. Por isso mesmo, você precisa ter isso em mente quando estiver decidindo o que fazer em Ouro Preto.

Ah, ali também há um mirante e tanto da cidade. Isso significa que dá pra aproveitar para fazer muitas fotos, viu?

10. Minas do Palácio Velho

Localizado ao pé da encosta do Morro de Tapanhuacanga, as Minas do Palácio Velho são do século 18 e fazem parte de um dos primeiros núcleos de mineração de ouro do estado. Como o lugar é aberto para visitação, os turistas têm acesso a cerca de 108 metros subterrâneos e a 80 metros de galeria, que conduzem a uma viagem ao período em que existia trabalho escravo nessas escavações.

9 museus que contam a história do Brasil

Acredite, esses são apenas alguns exemplos do que esta bela cidade mineira tem a oferecer, já que são muitos os seus atrativos. E você, conhece mais alguma opção imperdível de o que fazer em Ouro Preto? Então conta pra gente nos comentários, pois assim você ajuda outros turistas que pretendem desembarcar em breve no destino.

Fonte segueviagem.com.br

Recommended Posts

No comment yet, add your voice below!


Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *