A Seleção Brasileira mostrou consistência defensiva nas partidas das Eliminatórias da Copa do Mundo, contra Chile e Peru. Éder Militão foi titular nos dois compromissos, além de ter sido escalado também no jogo interrompido contra a Argentina. O atleta, de 23 anos, ficou satisfeito com o desempenho na equipe comandada por Tite.

“Ainda sou muito novo e estou buscando meu espaço. Vou seguir trabalhando no dia a dia para, quando surgir oportunidade, ir bem e colocar uma dúvida na cabeça do Tite”, declarou o atleta, depois do triunfo por 2 a 0 sobre o Peru, na noite desta quinta-feira, na Arena Pernambuco.

Nesta Data Fifa, Tite não pôde contar com Thiago Silva, que não foi liberado pelo Chelsea. Militão, então, formou dupla com Marquinhos na vitória por 1 a 0 sobre o Chile. Porém, o zagueiro do PSG foi suspenso pelo acúmulo de cartões amarelos e não pôde atuar diante da Argentina.

Em função da indefinição sobre a partida interrompida, Marquinhos também ficou fora contra o Peru, cedendo seu lugar para Lucas Veríssimo. Militão se sentiu confortável na partida na Arena Pernambuco, mesmo atuando de maneira diferente da que está acostumado.

“Foi uma grande partida hoje (quinta), jogando pelo lado esquerdo. Tenho costume de jogar no direito, mas foi uma boa atuação”, afirmou o atleta, que completou. “Estou sempre preparado para ambas as situações e acho que fiz um jogo seguro, que deu tranquilidade para ajudar a equipe”, encerrou.

Deixe seu comentário

Fonte gazetaesportiva.com

Recommended Posts

No comment yet, add your voice below!


Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *