Vista da Torre Panorâmica, em Curitiba | Crédito: Shutterstock

É difícil visitar algum destino e não querer conhecer seus principais cartões-postais, fazer aquela foto de recordação e descobrir porque aquele local é tão famoso. Curitiba não é diferente: uma visita ao Jardim Botânico, um passeio pelo centro da cidade e uma esticada até Santa Felicidade são itens que devem estar no seu roteiro. A capital paranaense conta com diferentes opções de city tour – assim, dá para aproveitar um pouquinho de tudo.

Uma dica bem legal é conhecer Curitiba à noite. Passe pela iluminada Rua das Flores, um calçadão na continuação da Rua XV de Novembro, bem no centro da cidade. Ali estão o obelisco que homenageia a Boca Maldita, confraria curitibana que desde a década de 1950 reúne-se para debater os temas atuais da cidade e do país; uma das lojas da famosa Livraria Curitiba; e também o prédio do HSBC que recebe anualmente os espetáculos do coral do banco na época de Natal.

Pelo sul do país: onde se hospedar em Curitiba, Foz e Porto Alegre

Um passeio pelo Jardim Botânico de Curitiba

cartões-postais Primavera - Jardim Botânico - Curitiba - Paraná | Crédito: Shutterstock.com

Jardim Botânico – Curitiba – Paraná | Crédito: Shutterstock

O Jardim Botânico é outro local que fica lindíssimo à noite, com uma iluminação especial na estufa de flores. Aproveite a oportunidade para fazer belas fotos de recordação da viagem! Para encerrar a noite, nada melhor que jantar em um dos tradicionais restaurantes italianos do bairro de Santa Felicidade. Prepare seu estômago: as opções são muitas, mas o mais conhecido entre os estabelecimentos dali é o Madalosso, famoso por suas massas, frango frito e polenta.

Se você prefere curtir a cidade durante o dia, sem problemas. Aos domingos, o Largo da Ordem, no centro de Curitiba, recebe uma feira de artesanatos que vale a pena visitar. Em seguida, estique o almoço no Bar do Alemão, instalado ali mesmo na praça, e dê uma passada na Rua 24 Horas para um café ou sobremesa.

Por fim, afastando-se um pouco do centro, reserve um tempo para conhecer o Bosque Alemão, onde há uma sala de concertos e uma lanchonete com itens típicos da gastronomia germânica; o Bosque João Paulo II, que homenageia a passagem do então Papa pela cidade com casas típicas polonesas; e o Museu Oscar Niemeyer, que tem um acervo focado no design, arquitetura e artes visuais.

Agora conta pra gente: você já teve a chance de visitar Curitiba ou pretende fazer isso em breve? Compartilhe suas experiências nos comentários, uma vez que assim você acaba ajudando a tirar as dúvidas de outras pessoas! Ah, e já sabe: se for viajar, consulte um agente de viagens. Até porque dessa forma você garante atendimento antes, durante e depois da trip. Ou seja: só tem vantagem!

Fonte segueviagem.com.br

Recommended Posts

No comment yet, add your voice below!


Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *