City e United disputam o clássico de Manchester pelo Campeonato Inglês

O Manchester City vem em uma sequência impressionante de vitórias no Campeonato Inglês. Neste domingo, os Citizens vão testar o bom momento contra o Manchester United, no Ettihad Stadium.

Os comandados de Pep Guardiola vêm de 21 vitórias seguidas. Dessa forma, o City abriu grande vantagem na liderança da Premier League.

Entretanto,  o técnico espanhol pregou foco no rival e fez questão de exaltar o clássico: “O Manchester United é forte em todas os setores. É um privilégio competir com eles e estar à sua frente. Neste fim de semana não será exceção. O nosso objetivo é fazer aquilo temos feito ultimamente”, disse.

Uma vitória praticamente dá ao City o título da Premier Legaue. Atualmente, a diferença entre as equipes é de 14 pontos.

O Manchester United sabe que mesmo com a vitória, o título inglês seguirá distante. Por isso, os Red Devils buscam manter a vice-liderança da competição

Confira os jogos da rodada:
Sábado
Burnley x Arsenal
Sheffield United x Southampton
Aston Villa x Wolverhampton
Brighton x Leicester

Domingo
West Bromwich x Newcastle United
Liverpool x Fulham
Manchester City x Manchester United
Tottenham x Crystal Palace

Segunda-feira
Chelsea x Everton
West Ham x Leeds United

Deixe seu comentário

Cruzeiro enfrenta o URT em busca da primeira vitória no Mineiro

Cruzeiro e URT se enfrentam neste sábado, às 21h (de Brasília), pela terceira rodada do Campeonato Mineiro. A partida será na Arena do Jacaré, em Sete Lagoas. O time de Belo Horizonte ainda não venceu na competição. Empatou por 1 a 1 com o Uberlândia e perdeu para a Caldense por 1 a 0.

Para buscar a primeira vitória, o técnico Felipe Conceição não poderá contar com Matheus Neris. O meia sofreu uma lesão muscular no adutor da coxa direita na última rodada e deve ser desfalque por pelo menos dois jogos. Adriano deve ocupar a vaga.

Outra ausência será a de Felipe Augusto, expulso contra a Caldense. Airton deve começar como titular. Raúl Cácares, por sua vez, sofreu um incômodo após dividida no último jogo, mas não será problema.

Do outro lado, o URT, comandado por Wellington Fajardo, busca manter o embalo após vencer o Uberlândia por 1 a 0. A equipe está na sexta colocação, com três pontos conquistados. Mateus e João Paulo são dúvidas, já que deixaram o campo lesionados na última rodada.

Também neste sábado, o América-MG visita o Pouso Alegre, às 19h (de Brasília). A equipe do técnico Lisca tenta manter o 100% de aproveitamento no torneio.

FICHA TÉCNICA
URT X CRUZEIRO

Local: Arena do Jacaré, em Sete Lagoas (MG)
Data: 6 de março de 2021
Horário: 21h (de Brasília)
Árbitro: Marco Aurelio Augusto Fazekas Ferreira
Assistentes: Leonardo Henrique Pereira e Marcyano da Silva Vicente

URT: Renan Rinaldi; Kellyton, Davy Einstein, Donato e Pedro Rosa; Romário, Jean Carlos, João Diogo e Léo Aquino; Yago e Paulo Renê;
Técnico: Wellington Fajardo

CRUZEIRO: Fábio; Raúl Cáceres, Manoel, Ramon e Alan Ruschel; Adriano, Matheus Barbosa e Marcinho; Rafael Sobis, William Pottker e Airton;
Técnico: Felipe Conceição

Deixe seu comentário

Fluminense busca recuperação contra a Portuguesa

Depois de estrear com derrota no Campeonato Carioca, o Fluminense terá pela frente a Portuguesa. A partida está marcada para as 16 horas (de Brasília) deste domingo, no Maracanã.

Os donos da casa vão a campo mais uma vez com uma equipe formada por garotos. O técnico Ailton Ferraz continua no banco de reservas enquanto Roger Machado trabalho com o elenco principal.

Mesmo com o revés por 2 a 1 na estreia, a atuação da equipe foi elogiada. Os tricolores reclamaram muito da arbitragem por conta de um pênalti não marcado e um gol mal anulado no primeiro tempo.

Ailton Ferraz pregou foco na vitória contra a Portuguesa.

“Eu costumo falar que o Fluminense sempre joga para ganhar. Foi o que mostramos. Continuamos de cabeça erguida para levantar os meninos”, disse.

Só que do outro lado, a Portuguesa iniciou a competição com vitória por 1 a 0 sobre o Vasco, em São Januário. A Lusa tenta surpreender mais um grande para ficar em boa situação visando as semifinais do Carioca.

FICHA TÉCNICA:
FLUMINENSE X PORTUGUESA

Local: Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 7 de março de 2021, domingo
Horário: 16h (de Brasília)
Árbitro: Felipe Paludo
Assistentes: Thiago Farinha e Raphael dos Reis

FLUMINENSE: Pedro Rangel, Dani Bolt, Luan, Frazan e Raí; André, Caio, Miguel e Gabriel Teixeira; Samuel e John Kennedy
Técnico: Ailton Ferraz

PORTGUESA: Neguetti, Watson, Dilsinho, Diego Guerra e Luís Gustavo; Muniz, Wellington Cezar, Everton e Chay; Romarinho, Hugo Cabral e Emerson Carioca
Técnico: Felipe Surian

Deixe seu comentário

PSG busca avançar na Copa da França nesse sábado; confira jogos

O Paris Saint-Germain enfrenta nesse sábado o Stade Brestois 29, fora de casa, pela segunda fase da Copa da França, às 17h10 (de Brasília). Na primeira rodada, os parisienses derrotaram o Caen por 1 a 0, jogo que ficou marcado pela lesão do Neymar.

O Lyon, por sua vez, enfrenta o Souchaux, equipe da segunda divisão francesa. Já o Olympique de Marseille enfrentará o Canet Roussillon, que também é de divisões inferiores, no domingo.

Confira os jogos da segunda fase da Copa da França:

Olympique Ales X Montpellier

Vallieres X Annecy FC

Red Star X Lens

Saint Louis Neuweg X Sedan

Le Puy x Lorient

Olympique Saumur X Montagnarde

Valenciennes X Metz

Angers X Franciscain

Ajaccio X Lille

Romorantin X Chateaubriant

Deixe seu comentário

Porto tenta recuperar a vice-liderança do Português contra o Gil Vicente

O Campeonato Português tem o Sporting como líder isolado, mas a briga pela segunda colocação segue acirrada. O Porto quer recuperar a vice-liderança neste sábado, às 15 horas (de Brasília). A partida será contra o Gil Vicente, fora de casa.

A equipe acumulou uma série de tropeços nas últimas rodadas. Com isso, viu o Sporting abrir vantagem na liderança e o Braga assumir a segunda colocação.

Mesmo assim, o técnico Sérgio Conceição afirmou que ainda sonha com o título.

“Vamos procurar ganhar amanhã e depois pensar no jogo seguinte. Depois, vamos procurar os três pontos em cada jogo e no fim vamos fazer contas. Não está nada perdido e matematicamente é possível”, disse.

O Gil Vicente não faz boa campanha e está na 15ª colocação, próximo da zona de rebaixamento.

Confira os jogos da 22ª rodada da Primeira Liga:

Sábado
Portimonense x Tondela
Gil Vicente x Porto
Boavista x Famalicão

Domingo
Marítimo x Moreirense
Rio Ave x Farense

Segunda-feira
Belenenses x Benfica

Terça-feira
Braga x Vitória de Guimarães

Deixe seu comentário

Brasileiro é campeão do Pan-Americano de Cross Country

Foto: Reprodução site da CBAt

No último sábado (29), o brasileiro Johnatas Cruz, de Guarulhos (SP), venceu os 10K adulto no Campeonato Pan-Americano de Cross Country. A prova aconteceu em um campo de golfe em Langford, no Canadá.

Leia mais  + Homem de 62 anos fica 8h na posição de prancha + Confira os destaques dos lançamentos do mês na corrida + Coronavírus: eventos esportivos podem ser cancelados

Johnatas, de 29 anos, é mineiro mas mora em São Paulo, onde trabalha como gari. Ele terminou a prova em 32m05 e protagonizou uma chegada emocionante, disputada até o último segundo do percurso. Isso porque o norte-americano Anthony Rotich fez o mesmo tempo do brasileiro, mas ficou em segundo lugar. Em terceiro ficou o peruano Paul Ramirez, com 33m11.

Em uma entrevista ao portal R7, ele disse estar emocionado com a conquista. “Esse é o melhor resultado da minha carreira. Tenho apenas quatro anos como atleta e já tinha ganhado medalhas de prata na Copa Brasil de Cross Country e no Troféu Brasil”, afirmou.

Agora, ele volta ao Brasil com novos objetivos. “Vou voltar e conversar com meu treinador, mas a princípio devo disputar os 5.000 e os 10.000 metros no Troféu Brasil”, afirmou para o portal.

Mais sobre o Campeonato Pan-Americano de Cross Country

O campeão da Copa Brasil de Cross Country Daniel Ferreira do Nascimento, de São Paulo, terminou a mesma corrida que Johnatas participou em oitavo lugar (33m43). Já o mineiro Gilberto Lopes ficou em décimo, com 34m04.

Nos 10km feminino, o Brasil teve três representantes. Amanda Aparecida de Oliveira foi a 13ª colocada nos 10km, com 39m35. Tatiane Raquel da Silva terminou na 22ª colocação, com 42m10, seguida por Graziele Zarri, em 23º lugar, com 44m42.

Já na categoria sub-20, o campeão foi o americano Corey Corgas, com 27m15. O brasileiro Lucas Pinho Leite ficou em 22º lugar, com 29m57 nos 8km, enquanto Eduardo Bandeira Baltazar terminou em 24º, com 30m26. A prova feminina foi vencida pela americana Brooke Rauber, com 23m12. Mirelle Leite da Silva foi a oitava colocada, com 24m28 nos 6km. Núbia de Oliveira Silva terminou em nono, com 24m33, enquanto Gabriela Tardivo foi a 17ª, com 25m04.

Fonte runnersworld.com.br

Homem de 62 anos fica 8h na posição de prancha

Foto: Shutterstock

Por quanto tempo você consegue ficar na posição do exercício prancha? Um minuto? Dois? Que tal 8 horas, 15 minutos e 15 segundos? Foi o que George Hood fez recentemente em Chicago. Ele estabeleceu o recorde The Longest Male Abdominal Plank, de acordo com o Guinness World Records.

Leia mais  + Mulher fica mais de 4 horas na posição de prancha
+ Saiba quanto tempo você precisa ficar na posição de prancha para ter resultados
+ Como fazer a prancha perfeitamente e suas variações

O ex-fuzileiro naval dos Estados Unidos, de 62 anos, superou o recorde anterior de 8 horas e 1 minuto, estabelecido por Mao Weidong, na China, em 2016.

Definir o recorde não foi fácil. George Hood disse que fez, ao todo, fez 2100 horas de prancha para sua preparação. Depois do feito, ele anunciou sua aposentadoria das tentativas de quebrar recordes.

Homem quebra recorde na posição do exercício prancha

O exercício prancha é um movimento funcional e muito popular entre os corredores. Ele melhora a força e a estabilidade do core. No entanto, geralmente é feito por minutos, e não horas.

Em uma entrevista à BBC sobre seu segredo por trás do sucesso, George disse: “Eu tento não olhar para o relógio. É uma arte, e um conjunto de habilidades que eu tive que dominar ao longo dos anos.”

Para manter a motivação, George colocou rock durante o desafio. “Quando eu era criança, eu era fascinado pelo rock and roll”, disse ele à BBC. “Sempre desejei ser uma estrela do rock. Posso garantir, por essas 8 horas, 15 minutos e 15 segundos, eu era a estrela do rock.”

Fonte runnersworld.com.br

Confira os destaques dos lançamentos do mês na corrida

Foto: Suhtterstock

Corredores são antenados. Estão sempre a par das últimas novidades a respeito de produtos, vestuários e até suplementos para deixar o treino o mais confortável possível. Pensando nisso, a Runner’s World Brasil agora vai entrar na onda e fazer matérias com os lançamentos do mês no mundo da corrida e alta performance!

Leia mais + Coronavírus: eventos esportivos podem ser cancelados
+ 22 corridas femininas em 2020
 +Como é o corredor brasileiro? Pesquisa histórica responde

As inovações serão postadas no fim de cada mês. Sentiu falta de alguma coisa? Entre em contato conosco pelo Instagram (@rwbrasil)!

Lançamentos do mês de fevereiro: tênis

1Under Armour, Infinite 2

Foto: Divulgação Under Armour

Tecnologia UA HOVR, com retorno de energia que ajuda a eliminar o impacto. Malha de compressão Energy Web. E com Record Sensor, que rastreia, analisa e armazena as medições da corrida, e você vai saber exatamente o que fazer para melhorar. Custa R$899. Estará disponível para compra a partir de 10 de março.

2Olympikus, Pride 2 S.E.

Foto: Divulgação Olympikus

Pride 2, um dos tênis de running da Olympikus, está de cara nova. Mas a tecnologia continua garantida com todos os benefícios que esse modelo já oferece. O modelo exclusivo conta com tecido de dupla camada bicolor com tecnologia Oxibreath 2.0, composto por dois materiais que formam uma única trama. Garante maior ajuste, respirabilidade e flexibilidade. Biqueira sem costura feita em material ultramacio para evitar atrito, e design aprimorado no calcanhar para garantir mais estabilidade nos treinos. Solado com Elevate Pro, tecnologia para máxima absorção de impacto e maior impulsão, e drop de 10 mm para uma pisada mais correta e natural durante a corrida. Custa R$249,90. Chega às lojas na primeira semana de março. 

3Reebok, HIIT TR

Foto: Divulgação Reebok

Na campanha estrelada por Isis Valverde e Nanda Costa, a Reebok apresenta o novo HIIT TR – criado exclusivamente para proporcionar movimentos mais dinâmicos e eficientes em treinos funcionais. O Reebok HIIT TR oferece benefícios para adeptos de funcional que não podem ser encontrados em um tênis comum de corrida. Além do suporte completo durante práticas de agachamento, levantamento, corridas, saltos, flexões, ondulações ou estabilização, o modelo proporciona movimentos multidirecionais com ainda mais segurança, aderência, conforto, estabilidade, retorno de energia e durabilidade. Custa R$449,90. Compre aqui.

4Vert e Rick Owens

Foto: Divulgação VERT

A marca lançou modelos novos de escalada (foto de cima, custa R$790) e para corrida (como a foto de baixo, que custa R$890). Compre aqui.

Lançamentos do mês de fevereiro
Foto: Divulgação VERT

Lançamentos do mês de fevereiro: roupas

6New Era, Twenty Simple Signature Fluor

Foto: Divulgação New Era

O lançamento da New Era para o carnaval está disponível em três cores: laranja, verde e rosa. Proteja-se do sol nos treinos com muito estilo. Custam R$149,90 cada. Compre aqui.

7Nike Eyewear

Foto: Divulgação Marchon

Linha verão da marca para todos os estilos. Compre e veja todos os outros produtos da linha aqui. Este modelo abaixo custa R$700.

8Mormaii Óculos

Custa R$299,99. Foto: Divulgação Mormaii Óculos

A Família Nalu, como ficou conhecida após registrar suas viagens e experiências culturais mundo afora no programa ‘Nalu pelo Mundo’, assina uma coleção exclusiva de óculos de sol com três modelos. Carregando o lifestyle de Pato, Fabi e Bela, as peças trazem personalidade, traços especiais e marcantes, além de lentes máscaras que seguem as características da moda mundial. Confeccionada pela JR Adamver, licenciada da Mormaii Óculos, a coleção da Família Nalu conta com lentes solares com 100% de proteção UVA e UVB. Compre aqui. Os preços estão nas legendas de cada produto. 

Custa R$299. Foto: Divulgação Mormaii Óculos
Custa R$299. Foto: Divulgação Mormaii Óculos

Fonte runnersworld.com.br

Suplementos de eletrólitos não são tão eficientes assim

Foto: Shutterstock

Corredores de resistência, tomem nota: não dá para confiar totalmente nos suplementos e bebidas esportivas de eletrólitos para manter seus níveis de sais minerais equilibrados — bem como prevenir problemas durante e após os treinos cansativos. Pelo menos foi o que concluiu um estudo recente da Universidade de Stanford, nos Estados Unidos.

Leia mais  + Como reduzir seu impacto ambiental como corredor
+ Exercício em jejum pode emagrecer, diz estudo
+ Combustíveis para a maratona: 6 opções perfeitas

Pesquisadores avaliaram 266 atletas que participaram da RacingThePlanet — uma ultramaratona de 248 quilômetros e sete dias com percursos em terrenos acidentados ao redor do mundo. Grant Lipman, principal autor do estudo, disse à CNN Health que os resultados são aplicáveis ​​a outros esportes.

O artigo foi publicado na última terça-feira (25) no Clinical Journal of Sports Medicine. E focou em estudar a hipernatremia, um fenômeno que ocorre quando os níveis de sódio estão muito altos no corpo (o que significa desidratação associada ao exercício).

A hiponatremia associada ao exercício pode levar a alterações do estado mental, convulsões, edema pulmonar e até morte. O estudo mostrou que o clima quente aumentou a ocorrência desse problema. Mas o uso de suplementos de sódio não preveniu e nem curou o quadro.

O que isso sgnifica

“No passado, os atletas eram instruídos a ingerir suplementos com eletrólitos e a beberem o máximo de água possível”, disse Grant à CNN. Ele é professor de medicina de emergência em Stanford e diretor da Stanford Wilderness Medicine. “Acreditava-se que isso impediria cãibras musculares, desequilíbrios eletrolíticos e tonturas. Mas atualmente não há evidências que demonstrem que isso seja verdade”.

As 61 mulheres e 205 homens do estudo participaram de uma das cinco provas diferentes realizadas entre 2017 e 2018 na América do Sul, Namíbia, Chile e Mongólia. Noventa e oito dos corredores competiram em temperaturas acima de 33ºC. Alguns deles tomaram comprimidos de sal a cada hora, enquanto outros diluíram eletrólitos em uma garrafa de água.

“Existem vários métodos diferentes. No entanto, a maioria das estratégias de ingestão eletrólitos é uma bebida com uma concentração de sódio menor do que a encontrada no corpo. É por isso que beber muitas soluções de eletrólitos pode resultar em hipernatremia”, explicou ele à CNN.

Como os dados foram coletados

Os dados foram coletados dos atletas no início e no final de uma corrida de 80 quilômetros, realizada no quinto dia da competição.

Antes da corrida, os participantes haviam relatado quais suplementos de eletrólitos eles planejavam usar, com que frequência planejavam tomá-los e qual era sua estratégia para beber. Eles também relataram seus programas de treinamento anteriores. E se pesaram antes da corrida.

Na linha de chegada, antes de se hidratarem ou descansarem, os pesquisadores os avaliaram novamente e perguntaram o quanto eles seguiram seus planos de suplementação. Também foi coletada uma amostra de sangue para medir os níveis de sódio em seus organismos.

A análise desses dados mostrou que 41 dos atletas apresentaram desequilíbrios de sódio até o final da corrida: 11 tiveram hipernatremia devido à falta do mineral e 30 estavam desidratados (com muito sódio no sangue).

Como os suplementos de eletrólitos funcionam

“Os suplementos de eletrólitos são aconselhados como ótimos para a prevenção de náuseas ou cãibras causadas por baixos níveis de sal no corpo. Mas esse é um falso paradigma”, disse Grant à CNN. “Eles nunca demonstraram prevenir doenças ou até melhorar o desempenho. E se diluídos com muita água, podem ser perigosos.”

Uma análise mais aprofundada dos dados também mostrou que os participantes com hipernatremia tinham, em média, programas de treinamento mais curtos, pesavam mais e demoravam cinco a seis horas a mais para completar a corrida.

Lipman disse que o objetivo do estudo é mostrar que é preciso ouvir seu corpo, não importa em qual esporte você esteja participando, e prestar atenção especialmente no calor. E enquanto a análise foi de uma prova de longa duração, os pesquisadores disseram que o mesmo problema foi encontrado em atletas de rugby, futebol e remo.

“Beba quando estiver com sede. Não tenha um cronograma”, disse Grant. “Apenas [beber] eletrólitos não vai protegê-lo de níveis altos ou baixos de sal; você também precisa ingerir alimentos salgados”, acrescentou.

Fonte runnersworld.com.br

Coronavírus: eventos esportivos podem ser cancelados

Foto: Reprodução Instagram/@tokyo2020

TÓQUIO 2020 CANCELADO? Ontem (26), o primeiro caso de coronavírus foi confirmado em território brasileiro. Hoje (27), acordamos com a notícia que uma mulher no Japão contraiu o vírus pela segunda vez depois de já ter sido curada. Devido à proporção que a doença tomou este ano, alguns eventos esportivos correm o risco de serem adiados ou até canelados. É o caso dos Jogos Olímpicos de Tóquio; o Six Nations (campeonato europeu de rugby); o Giro d’Italia (competição de ciclismo); e o Campeonato Europeu de Futebol.

Leia mais  + TUDO QUE VOCÊ PRECISA SABER SOBRE O CORONAVÍRUS
+ Coronavírus: Maratona de Hong Kong é cancelada
+ Coronavírus: Mundial de Atletismo é adiado

Os organizadores de todos eles já afirmaram que estão monitorando meticulosamente a situação do número de casos ao redor do mundo.

Tóquio 2020 cancelado? Entenda a situação

Dick Pound, membro sênior do Comitê Olímpico Internacional (COI), disse que se for muito perigoso realizar a Olimpíada em Tóquio, os organizadores provavelmente a cancelarão.

A decisão deverá ser tomada em maio, já que as autoridades esportivas planejam monitorar a propagação do vírus até lá. No momento, o vírus já matou mais de 2.700 pessoas e infectou mais de 80 mil em 41 países e territórios ao redor do mundo.

Em uma entrevista à Press Association, Dick Pound disse: “Mais para frente, teremos que nos questionar: ‘Isso está sob controle suficiente?’”. E continuou: “Muitas coisas precisam acontecer ainda. Precisamos aumentar a segurança, estoque de comida, os hotéis. A mídia toda estará lá.”

Se o COI decidir que Os Jogos não podem acontecer conforme o planejado, Dick explicou que eles provavelmente serão cancelados. Segundo ele, um evento desse tamanho não pode ser simplesmente adiado.

“Há tantas partes em jogo, tantos países diferentes e canais de televisão. Você não pode simplesmente dizer: ‘Nós deixaremos para outubro’”.

Dick continuou explicando que a realocação dos jogos também não seria uma opção, já que “existem poucos lugares no mundo que poderiam pensar em construir instalações em tão pouco tempo.”

Chiba, a cidade ao norte de Tóquio (que está programada para receber o Taekwondo Olímpico, Esgrima, Luta Livre e Surf, além de quatro eventos paralímpicos) acaba de confirmar três novos casos de coronavírus.

Maratona de Londres: situação

Até agora,  12 pessoas morreram na Itália devido ao coronavírus, uma empresa de petróleo fechou suas portas depois que um funcionário contraiu a doença e quatro escolas do Reino Unido fecharam completamente. O Ministério das Relações Exteriores da Inglaterra alertou todos sobre as viagens para a Itália, aconselhando que elas deveriam ser adiadas a não ser que sejam essenciais.

Também foi anunciado que milhares de britânicos deverão passar por testes em meio a temores de que possa haver muito mais casos no Reino Unido do que se sabe.

Faltando apenas 59 dias para a Maratona de Londres, Hugh Brasher, diretor de eventos da London Marathon Events, conversou com a Runner’s World UK. “Nós, juntamente com o resto do mundo, estamos monitorando de perto os desenvolvimentos relacionados à disseminação do coronavírus. E observando as atualizações e os conselhos do governo do Reino Unido, da Organização Mundial da Saúde (OMS) e de outros órgãos públicos.”

“Faltando dois meses para o evento, em 26 de abril, continuaremos de olho na situação”, continuou.

Fonte runnersworld.com.br